Curiosidades de Iporanga



IPORANGA

Iporanga é o município brasileiro com o maior números de cavernas. Ao todo são 360 cavernas catalogadas, fazendo da região o paraíso dos espeleólogos. 

Essas cavernas ficam em uma região de preservação ambiental reconhecida pela UNESCO. São mais de 32.000 hectares de mata atlântica praticamente virgem, que proporciona ao visitante a possibilidade de ver de perto a fauna e a flora nativas da região sudeste do Brasil.
Como chegar
Partindo de São Paulo, pode-se pegar a Rodovia Castelo Branco (SP-280) até a cidade de Tatuí. Chegando lá, seguir em direção a Apiaí. De Apiaí, sai uma estrada de terra de 50 km até Iporanga (SP-165).
Iporanga fica a 331 km de São Paulo e a 179 km de Curitiba.
O que fazer
Em Iporanga é possível a prática de diversos esportes que exigem interação com a natureza. Um exemplo é o bóia-cross realizado no rio Betari. A melhor época do ano para o esporte é o verão, quando aumenta o fluxo de água do rio.
Os rios da região também são uma boa opção para a prática do canoismo.
Iporanga é um prato cheio para quem gosta de trekking. O município conta com muitas trilhas que levam às cavernas e cachoeiras do local. As trilhas passam por dentro da mata atlântica preservada, onde é possível entrar em contato com a fauna e flora nativas do sudeste brasileiro.
É claro que a atividade que mais se pratica no município é a exploração de cavernas. Os inúmeros tipos de grutas existentes oferecem vários níveis de desafio para o explorador. Há aquelas que contam com rios e diversas câmaras e também as de formação mais simples.
Algumas cavernas oferecem formações onde é possível praticar rappel.
Quem prefere um passeio mais leve pode optar pelas cavernas que possuem infra-estrutura turística como escadas de madeira, pontes e sanitários.
Pontos turísticos


Comentários